Nem sei por onde começar...

tudo pode acontecer,
tudo pode se desmoronar
tudo pode terminar
com final feliz ou não,
teremos de aguardar.

Não está na minha mão antever
o futuro,
não está na minha mão a decisão final,
mas posso sair prejudicada ou não
desta posição em que me encontro.

A espera pode ser longa
e não trazer bons resultados
a espera é algo que detesto
mas neste momento, nada mais me resta
fazer, do que esperar
e ver o que vai acontecer.

Comentários

Nuno Guronsan disse…
Nuvens cinzentas neste poema...
Está tudo bem?

Beijos.
Luisinha disse…
está dentro do possível. Estou farta de frio e de não haver chuva. Detesto o Inverno mas o país precisa de água, antes agora que no verão, não achas? Beijinhos

Mensagens populares deste blogue

Resultado da Consulta de Dermatologia- Pigmentasa!!!